ESTE É O BLOG
PILÃO PROFESSIONAL

Os principais termos usados no franchising

termos usados no franchising
termos usados no franchising

Diversos mercados possuem termos próprios e o das franquias não é diferente! A equipe Pilão Professional preparou esse post com os principais termos utilizados no franchising para que você possa começar a se aventurar neste setor! Então siga com a gente até o final desse conteúdo para ficar por dentro dos principais termos da área das franquias!

Franqueadora – É a empresa detentora da marca que irá disponibilizar ao franqueado além de seus produtos e serviços para venda, todo o seu knowhow do negócio e seu sistema de gestão.

Franqueado – É quem compra o direito de uso da marca e do conhecimento do negócio da franqueadora, e administra as chamadas franquias. O franqueado paga taxas a franqueadora pelo direito de uso da marca, além de treinamentos e suporte.

Investimento ou capital inicial – É o valor necessário que precisará ser investido para montar uma franquia. Esse valor inclui, geralmente, a taxa da aquisição da franquia, despesas com obras, equipamentos e projetos, quando necessário, estoque e capital de giro.

COF – Circular de Oferta de Franquia – Já falamos recentemente em post sobre esse documento! O COF é o documento produzido pela franqueadora, contendo todas as informações úteis ao franqueado como histórico da franquia, balanço e até mesmo o contato dos franqueados que deixaram as operações nos últimos 12 meses. Essa circular visa dar segurança ao franqueado, oferecendo informações relevantes sobre o negócio.

Royalties – É a remuneração periódica que a franqueadora precisa pagar ao franqueador pelo uso de sua marca e pelo uso do knowhow do negócio, como processos internos.

Taxa inicial de franquia – É o valor cobrado pela franqueadora no ato da assinatura do primeiro documento legal pelo franqueado. Esse valor, geralmente, dá direito ao franqueado aos manuais da empresa, treinamentos e custos relacionados.

Contrato de Franquia –É o contrato assinado, após a entrega do COF, por ambas as partes, tanto o franqueado quanto a franqueadora. Nesse contrato constam tantos os diretos quantos os deveres do franqueado.

Enxoval ou estoque inicial – É como é chamado o pedido mínimo de produtos que o franqueado precisa investir para começar o seu negócio.

Microfranquias – São franquias com o investimento inicial até R$90 mil, onde o franqueado não possui custos fixos e geralmente pode trabalhar sozinho.

SEJA UM FRANQUEADO PILÃO PROFESSIONAL

A Pilão Professional dá a oportunidade de você ter o seu próprio negócio, através de uma microfranquia. Administrando 10 máquinas em pontos de terceiros, os franqueados da Pilão Professional tem a possibilidade de entrar para o mercado que mais cresce no Brasil. Além do mais, a Pilão Professional oferece a praticidade das máquinas automáticas com a mesma qualidade do café Pilão feito em casa.

Você sabia que para se tornar um franqueado Pilão Professional é muito simples?

Basta seguir o passo a passo abaixo:

  • Primeiro passo: Preencha o nosso formulário de cadastro;

  • Segundo passo: Agende uma reunião com um de nossos especialistas;

  • Terceiro passo: Defina qual será a região de instalação das máquinas;

  • Quarto passo: Tudo pronto! Pode começar a operar com as suas máquinas.

Entre em contato conosco agora através do nosso site e complemente a sua renda sendo um franqueado Pilão Professional!